3 de agosto de 2009

Afinal o que é Método Birkman?

No post anterior falei como minha relação com o Método Birkman ocorreu, mas fica a pergunta: o que é afinal o Método Birkman?

Acho que a melhor maneira de defini-lo é falando um pouco sobre seu criador. Foi Roger Birkman, Ph. D em psicologia, ex-piloto de bombardeiro na II Guerra Mundial quem o desenvolveu. Enquanto lutava pelas forças armadas norte America observava episódios recorrentes que o intrigava: o testemunho de momentos em que seus companheiros, diante de uma forte tensão, desperdiçavam munições valiosas nos alvos que percebiam que estavam lá, quando não estavam.

Vivenciando isso, Roger identificou sua fonte de interesse no comportamento humano: a percepção. Desde então, tem tentado identificar, analisar e aprender como eliminar muitos outros tipos de problemas de percepção, afinal disperdiçar munições em alvos que não existem, significa poder não dispor no momento necessário.

O método Birkman foi criado na década de 40, pós II Guerra Mundial e vem sendo aperfeiçoado e aprimorado desde então. A primeira versão do instrumento chamava-se “Teste da compreensão social”, que foi aperfeiçoada em 1951 na tese de doutorado de Birkman. Hoje o instrumento está muito mais refinado e apurado. Foi desenvolvido todo um sistema de informática capaz de gerar o relatório, após o questionário ser respondido em minutos. Testes-retestes, fidedignidade, validação são constantemente realizados, através do banco de dados de mais de 50 anos. A título de curiosidade: o método já passou por sete revisões.

Desde os primórdios, Birkman estava convencido de que poderia criar um instrumento muito necessário, capaz de medir: Expectativas sociais, Auto-conceitos, Interesses, Comportamentos Sob Tensão, Comportamento usual, tudo isso através de uma única ferramenta de avaliação. E foi o que de fato conseguiu. O Birkman Method® avalia comportamentos no ambiente de trabalho a partir da análise de:
– Necessidades subjacentes
– Motivações
– Comportamentos sob tensão
– Orientação organizacional

Desta forma, o Método Birkman constitui-se como um instrumento de grande valor, tanto para organizações como indivíduos. A experiência do instrumento com empresas mostra que um problema entendido por uma pessoa, pode não ser um problema entendido por todos, como o exemplo que ilustrei no post anterior.

Possibilita aumentar os níveis de desempenho do indivíduo e da equipe e reduzir comportamentos de stress. As possibilidades de aplicação são inúmeras:
• Desenvolvimento da liderança.
• Seleção de profissionais.
• Coaching individual e de equipes.
• Orientação e transição de carreira.
• Formação e integração de equipes de trabalho.
• Gestão de talentos e da diversidade de estilos profissionais.
• Gerenciamento de conflitos e de estresse.
• Oferece informações valiosas para o desenvolvimento de competências e o aumento de desempenho.
• Facilita a tomada de decisão em seleção e contratação de profissionais.
• Apresenta indicadores fundamentais para planejar estratégias de retenção de talentos.
• Fornece subsídios para o planejamento e o desenvolvimento de carreiras.
• Integra diversas informações sobre aspectos relacionais e ocupacionais de forma inteligente em uma mesma ferramenta.
• Potencializa o sucesso do alinhamento organizacional.

O que Roger Birkman com tantos anos de pesquisa pode observar é que pessoas são elas mesmas quando estão relaxadas, mas comportam-se diferentemente quando experienciam tensão. É possível observar as ações de uma pessoa e determinar se ela está ou não constantemente estressada. Quando você identifica uma dada condição, você saberá como responder à pessoa de uma maneira que irá ajudá-la mais. Portanto, este instrumento ajudar a compreender porque as pessoas agem do jeito que agem. Essa simples habilidade facilitará insights não somente em relações interpessoais e interações no trabalho, melhor que isso, ajudará a compreender porque uma pessoa faz as coisas do jeito que faz, uma vez que seu propósito principal é avaliar a percepção para assim poder alterá-la. Por isso é um excelente recurso para auxiliar a pessoa a avaliar quão freqüentemente ocorram situações em que nossa percepção fica distorcida. Quando você percebe as coisas corretamente e faz uma suposição válida baseada em sua percepção correta, você pode ser otimista e cheio de esperança.

Enfim, espero ter contribuído para a apresentação deste instrumento tão especial.

Lilian Loureiro